Instante

by quarta-feira, novembro 24, 2010 1 comentário(s)

Como pequenos instantes, como uma queimada que se acende e logo apaga, como um buraco negro que se cria, mas é tão pequeno, que em poucos instantes, toda sua mortalidade, morre junto à ele.

A cada instante uma vida pode ser mudada. Desde frangalhos, até partes completas podem se tornar desde um futuro promissor até um futuro obscuro.

Nem por um instante que se passa, as coisas deixam de ser alteradas. Além de estamos influenciando em nós mesmos, influenciamos no mundo à nossa volta.

Exemplos como, tanto o ato de ficar em casa, quanto o ato de sair, interfere do mesmo modo no tempo. Se você ficar em casa, significa que alguns eventos não acontecerão, mas então, ocorreram outros, devido à você não estar lá, e do mesmo modo se você sair de casa.

É fascinante e conseqüentemente triste observar as coisas através de uma lógica imortal. Imagine uma cidade se desfazendo aos seus olhos, e você parado no mesmo lugar. Os horizontes apodrecendo, tudo se tornando deserto, e o último dos humanos mortais, cair desfigurado pela idade e pela seca.

A Terra se tornando vazia, e através de dores e sofrimentos você simplesmente passando através deles. E tudo o que você desejaria era morrer. Para que a dor parasse.

Tudo se tornaria tão vazio e tão sem sentido. E em um instante provavelmente, a imortalidade, talvez se tornasse obsoleta.

A cada escolha, possamos entender o peso e as conseqüências que trazemos em tudo à nossa volta.

Cada instante, o futuro pode ser alterado.

Um comentário:

  1. Gostei do texto. Realmente, cada ação que fazemos ou deixamos de fazer tem impacto na sociedade e no mundo em que vivemos. Isso mostra o quanto temos o poder de mudar o mundo e a nós mesmos, não nos conformando com as coisas tais como são.

    "Não acomodar com o que incomoda." (O Teatro Mágico)

    Também adorei seu blog! Obrigada pela visita e comentário no meu. Volte sempre. =)

    Beijos

    ResponderExcluir