Fim do Mundo

by quinta-feira, abril 26, 2012 0 comentário(s)
Tirinha do site: http://www.overdosehomeopatica.com

Acordei, era o fim do mundo. Voltei a dormir.
Senti uma pontada de desespero quando a realidade bateu à porta.
Porém, quando abri, descobri que ela havia vindo pedir esmola.

Senti saudades, de coisas que não vivi,
Chorei por coisas que jamais viveria,
O céu se encharcava de sangue enquanto meus olhos derretiam.

Pensei no que último havia visto, e lembrei-me de todas as lágrimas que causei,
Pensei em quantas bocas minha boca havia tocado, e lembre-me de quantas almas despedacei,
Sorri ao imaginar as pétalas da vida se desbotando, enquanto meus lábios se fragmentavam.

Tentei sentir o gosto da última palavra,
Mas foi como degustar uma moeda embalada,
Imaginei minha memória mais feliz, enquanto meu cérebro fritava.

Minhas lágrimas evaporaram e me lembrei de seu sorriso.

Acordei, era o fim do mundo.

0 comentário(s):

Postar um comentário