A Tênue Linha entre Pastores e Políticos

by domingo, setembro 16, 2012 1 comentário(s)

A religião e a política nunca podem se misturar. Sabe aquelas vezes em que você aprendeu no ensino médio sobre misturas homogêneas que não são separáveis facilmente e misturas heterogêneas as quais as separações são visíveis e bem definidas? Então, o estado, principalmente por atender a um público diverso e com gostos diferentes, não deveria se fixar em uma religião ou em uma ideologia. Afinal, foi exatamente assim que surgiram os conflitos no oriente médio - com países cada vez mais religiosos, e líderes cada vez mais adorados - e foi assim que ditadores chegaram ao poder e massacraram um povo - tal como Hitler e os Judeus.

Um grande exemplo de um estado em que realmente a política e a religião não deram certo foi - e ainda é - o Irã. Seus líderes são ao mesmo tempo sacerdotes e governantes, suas decisões e pressões são totalmente tendenciosas, e acabam por prejudicar totalmente alguém que lute pela sua própria liberdade em decidir qual caminho deseja tomar nas questões religiosas. Além disso, um país em que o sacerdote da mais alta hierarquia da religião xiita é o "presidente", a superstição reina. Imagine quantas vezes um filho nascido em um lugar assim foi repreendido por uma mãe com argumentos como "você vai ir para o 'inferno'", "você vai perder suas virgens" ou "Alá vai te queimar" quando teve uma "pré-ideia" revoltosa contra a opressão vivida?

No Brasil, a situação ainda é inicial, porém, é justamente nesse momento que devemos agir. Não é de hoje que os políticos pedem votos nas igrejas, afinal, qual o melhor lugar para acreditar em alguém do que na igreja? Com certeza não em um palanque, e menos ainda numa CPI. É muito fácil utilizar-se da admiração e das palavras bíblicas - as reais coisas por trás da "admiração" - para conseguir um bom número de votos. Aliás, é até mais fácil se você falar que o político em questão age como Jesus, empregando apenas sua boa vontade em função de todos.

Pensando economicamente, políticos e pastores são bem parecidos. Ambos devolvem algo para uma instituição, como o dízimo para a igreja e os impostos para o governo. E surpreendentemente, os dois recebem o valor de volta, seja o pastor no salário que será entregado através da igreja/associação ou o político através dos bilhões de benefícios e de um saláriozinho de 30 mil reais por mês. Pensando mais profundamente, eles não são parecidos apenas economicamente, também existem semelhanças peculiares. Os políticos querem seu voto, os pastores querem sua alma - para Deus, claro. A dupla deseja sua contribuição, seja para o partido ou para a reforma da igreja. E para finalizar, ambos estão sempre lá para apertar sua mão na hora da eleição ou do culto/missa na igreja, mas depois, eles sempre saem em seus carrões pouco se importante pra quem você é.

De forma direta, não é certo confiar em todos. Não importa se é um mendigo na rua, um empresário extremamente rico ou um pastor de uma igreja, todos eles sempre tem defeitos tanto quanto você tem. Como um defensor do anarquismo, a hierarquia, seja na igreja ou no governo, destrói totalmente o princípio de liberdade e começa a utilizar-se das pessoas como objetos úteis. Acrescido à isso, imagine um mundo em que além da hierarquia existisse também a religião como opressora. Frases como "A minha religião é a certa" ou "A sua religião é do capeta" seriam mais frequentes, e as mortes seriam mais numerosas. O governo deve permanecer neutro. Um religioso no poder é como um ditador, a diferença é que a facilidade de governar aumenta quando o povo apoia por medo de discordar indiretamente de Deus.

Ainda existe esperança no mundo para mudar essa situação. Um governo laico (estado neutro quanto à religião) é muito mais difícil de dar certo, mas é totalmente necessário ao progresso de qualquer país. Infelizmente existem muitos que perderam a esperança em qualquer tipo de instituição. Porém, para aqueles que ainda acham que o sol não nasce para todos, acredite, ele nasce sim. A diferença é o que você faz com o seu nascer do sol. O único modo de mudar é mudando. Basta cada um começar seus primeiros passos, e em seguida, teremos um país, um mundo melhor. 

Croatt

Conceito

Um comentário:

  1. Orgulhosamente programei uma 'chamada' para este ótimo artigo no site agregador de conteúdo dos Blogueiros do Brasil (( http://omelhordos.blogueirosdobrasil.com/ )).

    Será publicado em 14/11/12 , no decorrer do dia.

    IMPORTANTE : As visitas aparecerão no
    Google Analytics e em outras ferramentas
    similares como originadas na URL
    http://ads.tt/ .


    Abraços cordiais.

    ResponderExcluir