E então, o que fica no fim?

by sábado, junho 15, 2013 0 comentário(s)
Hoje estava sentado, olhando o tempo passar, observando uma manifestação cultural feita por, principalmente, pessoas idosas. Muitas delas estavam ali brincando, sorrindo, enquanto a peça sobre festa junina se desenrolava. Comecei a olhar para as pessoas que estavam naquele espaço grande, e percebi que haviam muita senhoras que seus maridos não estavam presentes. Talvez porque decidiram estar em outros lugares, mas também talvez porque elas os tivessem perdido. Apenas uma senhora tinha seu par ao seu lado. O que sobra ao fim de tudo? O que resta de todas as dores, todas as felicidades?

Hoje, pessoas que conheci por toda minha vida adormecerão em seus travesseiros ou em suas poças de vômitos, e vão apenas dormir. Hoje, a senhora Leda que está em uma fazenda a muitos kms de distância daqui, irá dormir cedo depois da novela da globo, pois não há barulho em sua vizinhança ou outras emissoras de televisão. Hoje meu melhor amigo irá dormir preocupado com sua vida, sentindo um aperto no peito, talvez pelos dias que virão, talvez pelos dias que parecem nunca chegar. Hoje ou algum dia, uma garota irá chorar em seu travesseiro, após entender tudo o que quis fazer, e outra chorará por tudo o que eu fiz. E após isso tudo, o que permanece aqui além das marcas e os passos no chão?

Ao menos deixei música hoje, mesma que seja esquecida amanhã.

O que fica no fim? Nada fica. Você fica, mas logo se vai e se esvai.

Nunca precisou de existir nada no fim.

0 comentário(s):

Postar um comentário