Mini Histórias Experimentais #1

by sábado, novembro 21, 2015 0 comentário(s)
Há algo que não pode ser dito sobre o inferno. O modo como ele cresce dentro dos homens. Consome cada espaço livre e calmo. E no fim, quebra a traquéia e sufoca. O ar dentro do peito inflama-se. A morte chega com aqueles olhos de tempestade castanha, diz:

- Eu nunca vou te levar.

--

A apatia vai cobrir o mundo com um lençol de ignorância e então, tudo vai acabar.

--

O jazz expressa um pouco da loucura interior. Destrói essa idéia de que tudo poderia ser ou é normal. Dizem que tudo teve que ser revisto depois que ele nasceu. Quem achava que tinha luz, descobriu-se em pleno breu. Rima idiota.

--

Duas pessoas andam na rua,
Se cruzam indo em direções diferentes,
Sem se olhar.

0 comentário(s):

Postar um comentário