Sem bandeiras

by segunda-feira, setembro 25, 2017 0 comentário(s)


(play)

E se os céus caíssem sobre nossos ombros
Pesado demais pra que continuássemos andando?
De onde viria meu socorro?

Se o mundo acabasse em lágrimas
Com pessoas buscando refúgio em cidades e lugares que não os amam
Qual seria a sinfonia, a música única

Que uniria de alguma forma todas essas nacionalidades diferentes
Esses bilhões de rostos, olhos, jeitos, sorrisos e poesias
Quem poderíamos ser, se não fôssemos eu e você?

De todos textos, livros e encenações
Em todas as artes, arquiteturas e canções
Estamos em tudo, em todos

Somos quem quisermos ser

"T'ES PARTI MAIS T'ES PARTOUT" 


0 comentário(s):

Postar um comentário